Como depilar com lâmina sem irritar a pele
Conheça método para depilar com lâmina: Entenda por que a lâmina causa irritação na pele

Não há dúvidas: a depilação com lâmina, que costuma ser feita pelas mulheres durante o banho, é o método mais prático para quem quer estar sempre com a pele bem lisinha. Mas, em muitas mulheres, essa praticidade pode ter um custo inesperado: pernas, axilas e virilhas podem ficar irritadas, com aquelas famosas "bolinhas" vermelhas, que podem coçar ou apenas incomodar por sua aparência.

O problema, ao contrário do que costumamos pensar, não acontece apenas com quem tem a pele sensível: ele pode atingir todas as mulheres que usam a lâmina habitualmente, e tem a ver com outros aspectos dos cuidados com a pele, especialmente a hidratação.

"Quando a pele está desidratada, seca, áspera, o pelo tem dificuldade em romper a camada mais superficial, e isso pode ser observado pelo surgimento dessas bolinhas ásperas", explica a dermatologista Maria de Lourdes Palermo, da clínica Alan Landecker, em São Paulo. A boa notícia é que dá para tomar alguns cuidados que ajudam a evitar a reação inconveniente!

Antes, durante e depois
A médica explica que, para a pele ficar lisa após a depilação, sem irritações, é fundamental cuidar da hidratação da pele diariamente. "Evite banhos muito quentes, excesso de sabão e detergentes, e aplique regularmente hidratantes no pós-banho", diz.

Já o dermatologista Adilson Costa, professor de dermatologia da PUC-Campinas, acredita que a lâmina é o método mais propício para dar origem aos pelos encravados — outra causa das bolinhas na pele. "Evite fazer a depilação no sentido contrário do crescimento do pelo", recomenda. "Evite também o uso de roupas apertadas, que propiciam o encravamento." Maria de Lourdes recomenda também o uso de bucha vegetal antes da lâmina, promovendo uma leve esfoliação.

Logo depois de usar a lâmina o melhor é evitar esfoliação, que pode irritar ainda mais a superfície da pele, e também ficar longe de cremes que contenham álcool e perfumes. "Podem ser usados cremes de corticoide de baixa potência, por no máximo três dias", fala Maria de Lourdes. Além disso, continue usando hidratantes potentes, de preferência que possuam propriedades calmantes e anti-inflamatórias.

Com informações do "Yahoo!"


Participe do Radar! Clique aqui e envie pautas.
Gosta de notícias? Curta a Página Oficial do Radar no Facebook e fique bem informado!

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade única dos autores. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Radar do Vale

{picture#https://scontent-mia1-2.xx.fbcdn.net/v/t1.0-9/13769549_1121022557968364_5547466374654720935_n.png?oh=1122a365d58ef66a2770b0d10a9db53d&oe=585BC3F1} O Radar do Vale disponibiliza este espaço para sugestões de pautas com temas relacionados ao site. Envie um e-mail para (radardovale@live.com). Por favor respeite e siga nossas regras para participar. {facebook#https://www.facebook.com/rdvonline1} {twitter#https://twitter.com/rdvonline} {google#https://plus.google.com/+RadardovaleBlogspotBr} {youtube#https://www.youtube.com/user/RDVONLINE}
Tecnologia do Blogger.